Skip to main content

É hora de vermifugar, e agora?

Voltar

Pode ser cão ou gato, o importante é que todos merecem muito carinho e além disso, alguns cuidados iniciais devem ser tomados para garantir a saúde e o bem-estar animal.

Um dos primeiros cuidados com o pet além da primeira visita ao médico veterinário é a vermifugação. A vermifugação previne uma série doenças causadas por vermes intestinais, tais como, Toxocara canis, Ancylostoma caninum, entre outros.

É importante que mesmo que sejam adultos, os cães e gatos sejam vermifugados de 1 a 2 vezes por ano, de acordo com a orientação do médico veterinário, pois embora o animal não apresente sintomas, ele pode estar infectado.

Alguns sinais podem indicar que o seu pet está com vermes, tais como: vômitos, diarreia, fezes com muco e/ou sangue e inclusive lamber ou coçar a região perineal.

Alguns parasitas não contaminam apenas cães e gatos, alguns podem contaminar também as pessoas, sendo consideradas zoonoses.Cada parasita é combatido  por uma medicação específica e que deve ser sempre prescrita pelo médico veterinário, pois ele é quem pode indicar o melhor tratamento para o seu Pet.

Ciurex Fagra® é indicado no combate das infestações causadas por parasitas nematóides e cestóides que infestam cães e gatos, veja mais em http://bit.ly/2DzC4va

Dicas

  • As otites nos pets, normalmente, se manifestam através de sinais clássicos, como: coceira persistente, repetições no balançar de cabeça, odor, produção excessiva de secreções e dor. Caso seja observado um desses sinais, você deve levar o seu pet, imediatamente ao médico veterinário para que a causa seja identificada e prescrito o tratamento correto.
     

  • Para uma limpeza eficiente das orelhas do seu pet, primeiramente, é importante conhecer a estrutura do órgão. A orelha é dividida em 3 partes nos cães e gatos: orelha externa, média e interna.
     

  • Profissional da Vetoquinol Saúde Animal informa os sintomas, as doenças transmitidas e o método de prevenção

     

  • Uma das prováveis causas da maior sensibilidade à dor, também nos animais, nos dias frios é que as baixas temperaturas provocam constrição vascular e prejudicam a circulação do sangue no corpo.

    A necessidade de aquecimento da musculatura provoca uma contração que torna algumas partes do corpo mais doloridas, principalmente nas articulações dos animais mais velhos ou que tenham doenças como, por exemplo, a osteoartrite.

É hora de vermifugar, e agora?

Produtos